Cuiabá, 23 de maio de 2019

Isso é Notícia

MENU

CONTRATO DE R$ 3 MILHÕES

Cantor é consultor de Oscip do Bom de Bola, Bom de Escola

Erro na Linha: #10 :: Undefined variable: charge_title
/home/issoenoticia/public_html/themes/issoenoticia/inc/sharebox.php
Reprodução/TVCA
DA REDAÇÃO DA REDAÇÃO

www.issoenoticia.com.br

O cantor sertanejo Johnny Everson foi apresentado como diretor do Instituto Para O Desenvolvimento Econômico, Ambiental, Esportivo e Social de Mato Grosso (Ideaes-MT), Oscip contratada por chamamento público pela Prefeitura de Cuiabá, pelo valor de R$ 3 milhões, para tocar o Programa Bom de Bola, Bola de Escola.

A contratação foi revelada pelo blog, que também noticiou que o instituto funcionava em um apartamento residencial, segundo registros oficiais da Receita Federal.

Mas, segundo a Secretaria Municipal de Educação, o Ideaes-MT funciona em um prédio comercial no Centro, mas, esqueceu de atualizar o endereço na Receita Federal.

A apresentação dos diretores e consultores da Oscip ocorreu em reunião na Secretaria de Educação. O irmão do cantor, Dr Joe, também também foi apresentado como responsável pela área de "compliance" do Ideaes-MT.

Johnny Everson também já foi conselheiro estadual de Cultura. Já o presidente da Oscip é Mário Márcio Pecora, que já exerceu cargos públicos na Prefeitura de Cuiabá.

Durante a reunião, Pecora traçou um histórico do instituto e apresentou fotos dos eventos e outros serviços realizados pelo Ideaes-MT.

SEL/Cuiabá

Equipe da Secretaria de Educação vistoria sede da empresa, em sala comercial no Centro

Equipe da Secretaria de Educação vistoria sede da Oscip, em sala comercial no Centro

Participaram do chamamento público, que ganhou apenas a publicidade formal mas foi esquecida pelo veículos de comunicação oficiais da Prefeitura, além do Ideaes-MT, o Instituto Cultural América (INCA) e o Instituto de Pesquisas e Gestão de Políticas Públicas (IPGP).

Johnny diz que é consultor (atualizada às 13h50)

O cantor sertanejo e consultor em projetos públicos, Johnny Everson, questionou o post e disse que apenas foi contratado como consultor e náo como diretor do Ideaes-MT conforme publicado, já que ele e seu irmão são donos de uma empresa de consultoria.

Afirmou que trabalha nesta área há muito tempo e vê na publicação do blog uma tentativa de criminalizar o terceiro setor.

Leia matérias relacionadas:

Comente pelo Facebook!

Comente pelo site!

Olá, deixe seu comentário para

Enviando Comentário Fechar :/