Cuiabá, 20 de setembro de 2019

Isso é Notícia

MENU

OPERAÇÃO RÊMORA

Galindo e o contravapor a Alan

Erro na Linha: #12 :: Undefined variable: charge_title
/home/issoenoticia/public_html/themes/issoenoticia/inc/sharebox.php
DA REDAÇÃO DA REDAÇÃO

www.issoenoticia.com.br

O ex-secretário de Segurança Pública de Mato Grosso, Fabio Galindo, está trabalhando duro, nos bastidores, para desqualificar o empresário Alan Malouf, delator da Operação Rêmora, que o citou como intermediário de proprina para aliviar a barra do empresário junto ao Gaeco-MT.

Nas últimas semanas, Galindo contratou uma jornalista para tentar emplacar nos veículos de comuncação pautas que desqualifiquem as declarações de Malouf.

Até um print de uma conversa de whatsapp apareceu, quase três anos após a primeira fase da Operação, dando a entender que a delação de Malouf teria sido forjada.

Galindo é uma figura controvertida.

Ex-promotor de Justiça em Minas Gerais, Fabio Galindo se dedica, no período da manhã, a palestras de combate à corrupção. Também pontifica nas mídias sociais sobre o mesmo tema.

À tarde, ele advogado para ninguém menos que o ex-governador Blairo Maggi, acusado pela Procuradoria-geral de República de ser chefe de uma organização criminosa que assaltou os cofres do Estado de Mato Grosso por anos a fio.

A informação que corre é que Galindo estaria tentando limpar a sua imagem para conseguir um cargo federal relevante na gestão de Jair Bolsonaro (PSL). Mas, a delação estaria emperrando sua nomeação.

Leia matérias relacionadas:

Comente pelo Facebook!

Comente pelo site!

Olá, deixe seu comentário para

Enviando Comentário Fechar :/