Cuiabá, 15 de novembro de 2019

Isso é Notícia

MENU

OPERAÇÃO ARARATH

MPF denuncia secretário de Mauro e ex-secretário de Silval por esquema com PCH

Erro na Linha: #12 :: Undefined variable: charge_title
/home/issoenoticia/public_html/themes/issoenoticia/inc/sharebox.php

FOLHAMAX FOLHAMAX

www.folhamax.com.br

O Ministério Público Federal, por meio da procurada Vanessa Cristina Marconi Zago Scarmagnani, denunciou o secretário da Casa Civil, Mauro Carvalho Junior e o ex-secretário Eder Moraes Dias, em investigação derivada da Operação Ararath. A denúncia tem como base a delação premiada do ex-superintendente do Bic Banco, Luiz Carlos Cuzziol.

Mauro Carvalho e Eder Moraes responderão por lavagem de dinheiro. A denúncia ainda pede o bloqueio de R$ 1,35 milhão deles. As informações são do jornal A Gazeta.

A denúncia envolve um empréstimo fraudulento feito junto ao Bic Banco em nome da São Tadeu Energética. 

Em junho deste ano, o ex-superintendente do Bico Banco, Luiz Carlos Cuzziol prestou depoimento ao Ministério Público Federal, ligando Mauro Carvalho a várias situações tidas como suspeitas e envolveu também Eder Moraes, como sócio oculto do atual secretário-chefe da Casa Civil. 

Em sua delação premiada, Cuzziol disse que Eder Moraes e Mauro Carvalho se encontraram em São Paulo com o então presidente do banco José Bezerra de Menezes para formalizar o empréstimo, que serviria para finalizar as obras da Pequena Central Hidrelétrica São Tadeu Energética pertencente a Mauro Carvalho.

Segundo Cuzziol, ele tomou conhecimento que ocorreu um suposto sinistro na estrutura da usina e por este motivo Mauro Carvalho não conseguiu liquidar o empréstimo na data do vencimento. Por isso, Carvalho e Eder fizeram nova reunião com Menezes, para prorrogar o pagamento. Como o atraso no pagamento acarretou juros em cima do valor principal, o ex-superintendente disse em sua delação que Carvalho fez um empréstimo com o empresário Valdir Piran e o empresário e delator Gércio Marcelino Mendonça Júnior para pagar parte da dívida.

De acordo com documentos apreendidos na Operação Ararath, os repasses  teriam sido feitos nos meses de março, junho e julho de 2009. Segundo apurado nas investigações, Eder Moraes indicava a Júnior Mendonça para quais empresas deveriam ser feitas as transferências.

Em um trecho da denúncia formalizada por Luiz Carlos Cuzziol, ele explicou como foram feitas as transferências de dinheiro: “Verifica-se então que a quantia no valor de, pelo menos, R$ 788.500,00, repassada até a data de 30/11/2010, transferidas mediante o cheque no valor de R$ 388.500,00, realizada pela Comercial Amazônia de Petróleo, no dia 13/11/2009, e a emissão dos cheques nºs 181 (R$ 42 mil), 182 (R$ 42 mil) e 293 (R$ 4.9 mil), respectivamente, nos dias 01/12/2009, 01/12/2009 e 28/12/2009 também emitidos pela Comercial Amazônia de Petróleo, com a assinatura do colaborador Gércio Marcelino Mendonça Júnior, em benefício da São Tadeu Energética ocorreram no mesmo contexto do crime de corrupção passiva praticado pelo denunciado Eder de Moraes Dias”.

De acordo com as provas juntadas ao processo, o empréstimo foi viabilizado por Júnior Mendonça mediante uma estrutura financeira clandestina para o qual eram utilizadas empresas pertencentes ao empresário, a Comercial Amazônia de Petróleo e  a Global Fomento.

Para o Ministério Público Federal, tanto Eder Moraes, como Mauro Carvalho, “ocultaram e dissimularam a natureza, origem, localização, disposição, movimentação e a propriedade de valores”, ao utilizarem o empréstimo de R$ 788,5 mil entre a PCH e o Bic Banco. A operação teria sido efetivada por meio de uma conta corrente clandestina que tinha como ‘gerentes’ Eder Moraes e Luis Carlos Cuzziol, então superintendente do Bic Banco.

Carvalho e Eder negam

Tanto o secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, como o ex-secretário Eder Moraes negam as acusações. Carvalho disse não tem conhecimento desta denúncia e que vai buscar informações para esclarecer os fatos. Já Eder, considerou a denúncia descabida, “sem pé e nem cabeça”, e assim que for notificado vai apresentar sua defesa.

Leia matérias relacionadas:

Comente pelo Facebook!

Comente pelo site!

Olá, deixe seu comentário para

Enviando Comentário Fechar :/