Cuiabá, 19 de setembro de 2019

Isso é Notícia

MENU

LIBERDADE NEGADA

TJ de MT nega HC a golpista que fingiu ser filho do dono da Gol

Erro na Linha: #12 :: Undefined variable: charge_title
/home/issoenoticia/public_html/themes/issoenoticia/inc/sharebox.php

FOLHAMAX FOLHAMAX

www.folhamax.com.br

O desembargador Juvenal Pereira da Silva, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), negou o pedido de habeas corpus impetrado pela defesa de Marcelo Nascimento da Rocha, popularmente conhecido como ‘Marcelo Vip’, que ganhou as manchetes nacionais após aplicar vários golpes e praticado diversos crimes de estelionato. A decisão do magistrado é da última sexta-feira (14).

“Marcelo Vip” está preso desde o dia 31 de agosto, quando foi alvo da 2ª fase da “Operação Regressus”, deflagrada pela GCCO (Gerência de Combate ao Crime Organizado). Ele foi acusado de falsificar atestados para comprovar que vinha mantendo atividades normais fora da prisão e assim obter a redução da pena.

Não há detalhes sobre as alegações da defesa e do magistrado porque o caso tramita em segredo de Justiça. “Ante o exposto, indefiro a liminar almejada na presente ordem mandamental em benefício de Marcelo Nascimento da Rocha, qualificado, portanto deixo de conceder-lhe liberdade provisória nos autos”, decidiu.

Além dele, foi alvo da operação o traficante Márcio Batista da Silva, conhecido como "Dinho Porquinho". Ambos estão reclusos no Centro de Ressocialização de Cuiabá (presídio do Carumbé).

MAIOR PICARETA DO BRASIL

Entre os feitos de Marcelo, o que mais ganhou notoriedade foi quando o estelionatário concedeu uma entrevista ao programa do Amaury Jr., da TV Bandeirantes, em 2001. Na ocasião, mesmo o programa sendo veiculado em rede nacional, Marcelo se passou pelo filho do fundador da Gol, Henrique Constantino.

Já detido, Marcelo se passou por líder do PCC (Primeiro Comando da Capital) e chegou a afirmar que a facção criminosa tinha ligações com sua conhecida rival, o Comando Vermelho.

Com uma extensa ficha de identidades falsas, que inclui policial de elite, guitarrista dos Engenheiros do Hawaii, Marcelo acabou virando filme, estrelado pelo ator Wagner Moura.

“Marcelo Vip” foi solto pelas práticas criminosas em 2014 e vinha cumprindo medidas cautelares, entre elas, a comprovação de atividades lícitas e o monitoramento eletrônico. Ele vinha atuando como empresário, produtor de eventos e palestrantes. (Tarley Carvalho)

Leia matérias relacionadas:

Comente pelo Facebook!

Comente pelo site!

Olá, deixe seu comentário para

Enviando Comentário Fechar :/