Terça, 22 de Junho de 2021 04:21
65 98157-3554
POLÍTICA AÇÃO PREVENTIVA

Deputado pede urgência em decretar situação de emergência ambiental no Pantanal

Com o período de estiagem se aproximando, o deputado se preocupa com a preservação do bioma

13/05/2021 08h34
Por: Redação 3 Fonte: ALMT
Deputado pede urgência em decretar situação de emergência ambiental no Pantanal

O deputado estadual Dr. João (MDB) apresentou, em sessão ordinária nesta quarta-feira (12), uma indicação pedindo a necessidade de decretar situação de emergência ambiental, bem como a implementação de ações no sentido de combater e prevenir desde então os incêndios no bioma Pantanal, no período de estiagem que se aproxima. Para o parlamentar, é de extrema importância que já comecem a ser realizadas ações para evitar um desastre ambiental no período de seca e queimadas no Pantanal mato-grossense, como as que aconteceram no ano passado. 

De acordo com dados da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), entre os meses de janeiro e setembro de 2020, mais de 5 mil focos de calor foram localizados em propriedades privadas, cerca de 3 mil em terras indígenas e 890 em unidades de conservação.

As organizações que compõem o Observatório Pantanal apresentaram para as autoridades um alerta sobre a preocupação no combate ao fogo no Pantanal em 2021, afirmando que a tragédia ambiental pode se repetir se não forem tomadas as providências necessárias, que vão desde campanhas de orientação para as comunidades pantaneiras, antecipação na contratação e mobilização do Prevfogo, formação e manutenção de brigadas e compra de equipamentos adequados, além da identificação e punição dos responsáveis.

“Foram milhões de hectares devastados, animais mortos e machucados, a população que sofreu inalando fumaça das queimadas, fora as plantações e a população pantaneira que ficou totalmente no meio do fogo, muitos perdendo tudo. Temos que começar urgente os trabalhos quanto à preservação e prevenção, e mudar a realidade dos fatos neste ano de 2021”,  finalizou o deputado Dr. João.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.