Segunda, 02 de Agosto de 2021 01:40
65 98157-3554
POLÍCIA OPERAÇÃO PADRÃO

Polícia Civil apreende combustíveis e armas de fogo em operação em Comodoro

Foram apreendidos aproximadamente 900 litros de diesel e aproximadamente 100 litros de etanol sem comprovação fiscal

22/06/2021 14h59 Atualizada há 1 mês
Por: Redação 3 Fonte: POLÍCIA CIVIL DE MT
 Polícia Civil apreende combustíveis e armas de fogo em operação em Comodoro

Uma grande quantidade de combustíveis sem procedência, duas armas de fogo e munições foram apreendidas pela Polícia Civil, na segunda-feira (21.06) em Comodoro (644 km a oeste de Cuiabá), na operação “Padrão” de combate à criminalidade na região rural do município.

Duas pessoas foram presas em flagrante, sendo uma por receptação e outra por porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

A ação foi deflagrada após várias denúncias e registros de ocorrências na zona rural de Comodoro. Entre os crimes, estão a receptação e a extração ilegal de madeira, sendo o crime ambiental praticado de forma frequente nas proximidades da Gleba Padronal, na BR 174, a cerca de 50 quilômetros da cidade.

Com base nas investigações e com intuito de coibir as práticas criminosas na localidade, os policiais civis de Comodoro realizaram intensa busca no distrito Padronal e nos arredores, onde conseguiram inicialmente prendem um suspeito por receptar combustíveis.

Com ele foram apreendidos aproximadamente 900 litros de diesel e aproximadamente 100 litros de etanol, ambos produtos não possuíam comprovação fiscal e que estavam armazenados em galões escondidos nos depósitos da borracharia.

Na sequência a equipe localizou em outro endereço, duas espingardas municiadas, sendo uma de calibre 20 e outra de calibre 28. O responsável pelas armas de fogo foi preso.

Conforme o delegado Ricardo Marques Sarto, em relação ao crime ambiental de extração ilegal de madeira não houve flagrante, mas uma pessoa foi intimada para prestar informações e esclarecimentos sobre possível crime de esbulho. “O local foi mapeado para um futuro trabalho de fiscalização”, afirmou o delegado.

Os dois suspeitos foram encaminhados até a Delegacia de Comodoro e interrogados. Um dos conduzidos, de 44 anos, reponderá pelo crime de receptação. Já o segundo envolvido, de 50 anos, foi autuado por porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.