Sexta, 24 de Setembro de 2021
30°

Tempo aberto

Cuiabá - MT

POLÍCIA OPERAÇÃO ÊXODO

Polícia Civil deflagra operação para prender líderes de associação criminosa

A operação foi coordenada pelo delegado de Ribeirão Cascalheira, Sergio Luís Henrique de Almeida, com apoio de policiais civis de Água Boa

01/08/2021 às 11h53
Por: Redação 2 Fonte: POLÍCIA JUDICIÁRIA CIVIL MT
Compartilhe:
Polícia Civil deflagra operação para prender líderes de associação criminosa

A Polícia Civil, através da Delegacia de Ribeirão Cascalheira, deflagrou na sexta-feira (30.07) operação para cumprimento de quatro  mandados de prisão contra líderes de associação criminosa atuantes no município.

A Operação Êxodo tinha o objetivo de desarticular o grupo criminoso que atua em Ribeirão Cascalheira e em outros municípios do médio Araguaia, na prática de diversos crimes, dentre eles tráfico de drogas, furtos  e entre outras ações violentas.

Os mandados tinham como alvo líderes da associação criminosa. Até o momento, três dos suspeitos foram presos e o quarto continua foragido.

Durante os cumprimentos foram localizados e recuperados parte de objetos e valores em espécie,  frutos de um furto ocorrido no município, além de armas, munições, drogas, materiais e apetrechos utilizados para o tráfico de entorpecentes.

Após localização da arma uma das suspeitas informou acerca da existência de munições, então a equipe se deslocou até a residência onde constatou a existência de outras munições, apetrechos utilizados para tráfico de drogas, porção de drogas , anotações dentre outros.

Os presos durante a operação foram conduzidos ao presídio Major Zuzi e à cadeia pública feminina em Nova Xavantina.

Participaram da operação a equipe da Delegacia de Ribeirão Cascalheira com apoio dos policiais civis de Água Boa, coordenados pelo delegado Sergio Luís Henrique de Almeida.

A operação foi coordenada pelo delegado de Ribeirão Cascalheira,  Sergio Luís Henrique de Almeida, com apoio de policiais civis de Água Boa.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.