Terça, 19 de Outubro de 2021
32°

Poucas nuvens

Cuiabá - MT

POLÍCIA LOIRA DA PRAÇA

VÍDEO: Mesmo com tornozeleira, jornalista volta à Praça Popular e é presa novamente

Nildes Souza foi solta porque dependeria de decisão judicial para ser presa por descumprimento de medida cautelar

14/10/2021 às 08h55 Atualizada em 14/10/2021 às 14h50
Por: Redação 2 Fonte: REDAÇÃO FOLHAMAX
Compartilhe:
VÍDEO: Mesmo com tornozeleira, jornalista volta à Praça Popular e é presa novamente

A jornalista Nildes de Souza, 37, foi presa duas vezes na noite desta quarta-feira (13). As prisões ocorreram na Praça Popular por descumprimento de medida cautelar determinada em audiência de custódia realizada ontem, quando foi decidido que ela usaria tornozeleira eletrônica e estava proibida de frequentar bares, além de consumir bebida alcoólica.

A jornalista foi detida pela 1ª vez na noite de segunda-feira, quando jogou um copo de cerveja no rosto de um policial militar num bar na Praça Popular. Após ser solta na noite de ontem, ela voltou a região nesta quarta-feira.

No início da noite, por volta das 19h20, a jornalista foi detida pela Polícia Militar após ser denunciada que estava no local. Levada a delegacia, concedeu entrevista a veículos de imprensa, onde mostrou confusão na fala, demonstrando que possui algum tipo de transtorno mental.

NOTÍCIAS QUENTES -  Acesse o grupo do Isso É Notícia no Whatsapp e tenha notícias em tempo real (CLIQUE AQUI)

Porém, foi colocada em liberdade pela Polícia Civil. Isso porque, descumprir uma medida cautelar alternativa não é crime autônomo, ou seja, a PM ou qualquer outra autoridade não poderia prendê-la por não haver crime nessa conduta. O correto era registrar o fato e informar o Juiz. Este, à vista dessa nova situação, pode decretar a prisão preventiva. 

Após ser solta, ela retornou a região de bares mais famosa de Cuiabá. Ela foi filmada andando pela Avenida Getúlio Vergas, em direção a Praça Popular.

Nildes retornou a um bar e sentou na mesa. Chegou a ser alertada por um vendedor de balas que policiais estavam "de olho nela" e tentou deixar o local. Mas, foi detida nas imediações e levada novamente à delegacia.

Agora, ela será mantida durante a noite. De acordo com o Tribunal de Justiça, Nildes passará por audiência de custódia na tarde desta quinta-feira. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.