Quarta, 26 de Janeiro de 2022
23°

Muitas nuvens

Cuiabá - MT

POLÍTICA POLÍTICAS DE GESTÃO

Criação do Gabinete de Governança da Presidência do TCE-MT desafoga fluxos e aumenta transparência

O Gabinete dará o devido encaminhamento às questões que possam ser realizadas de ofício, além de propor e/ou desenvolver trabalhos técnicos, estudos e pesquisas para melhorar o desempenho dos serviços

14/01/2022 às 08h31 Atualizada em 14/01/2022 às 08h36
Por: Redação 3 Fonte: TCE-MT
Compartilhe:
Criação do Gabinete de Governança da Presidência do TCE-MT desafoga fluxos e aumenta transparência

A fim de auxiliar a organização e direcionamento das políticas de gestão desempenhadas pela presidência no biênio 2022/2023, o Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso criou o Gabinete de Governança da Presidência (GGP). A minuta que estrutura o setor foi publicada nesta quinta-feira (13) e prevê o desenvolvimento de ações como gestão de riscos, controle interno, transparência e integração entre Poderes.

Desta forma, o documento estabelece o aprimoramento do sincronismo organizacional das atividades a serem desenvolvidas pelo Gabinete da Presidência e o fortalecimento dos canais de comunicação com a sociedade, partes interessadas, demais instituições e com os setores do TCE-MT, além da ampliação da capacidade de cooperação na definição de estratégias e execução das políticas de gestão programadas.

O grupo é formado pelo presidente do TCE-MT, José Carlos Novelli, o auditor substituto de conselheiro auxiliar da presidência,  Luiz Carlos Pereira, o secretário geral da presidência, Marco Antonio Rockenbach, o chefe de gabinete da presidência, José Roberto Amador, o consultor jurídico-geral, Grhegory Maia e o secretário executivo de Gestão de Pessoas, Enéias Viegas da Silva.

NOTÍCIAS QUENTES - Acesse o grupo do Isso É Notícia no WhatsApp e tenha notícias em tempo real (CLIQUE AQUI)

De acordo com o titular da Secretaria Geral da Presidência, a criação do GGP considera, dentre outros pontos, o fluxo de demandas que aportam no Gabinete da Presidência, o respeito aos princípios da celeridade, economicidade e razoável duração dos processos, o aperfeiçoamento contínuo das atividades do Tribunal e o fortalecimento da governança.

Visando desafogar o elevado número de pedidos que à Presidência, o Gabinete dará o devido encaminhamento às questões que possam ser realizadas de ofício, além de propor e/ou desenvolver trabalhos técnicos, estudos e pesquisas para melhorar o desempenho dos serviços. Também cabe ao setor coordenar e avaliar o cumprimento do planejamento estratégico e dos planos institucionais.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.