Segunda, 23 de Maio de 2022
15°

Alguma nebulosidade

Cuiabá - MT

COTIDIANO UNIDADE DE JUARA

Aluna da Escola Estadual Militar Tiradentes é aprovada para Medicina em MT

Dalila Bonetti Rocha frequentou a escola por quatro anos e destaca o empenho dos professores em oferecer uma boa formação a partir de provas, simulados e a inclusão dos pais na rotina escolar

28/01/2022 às 16h40 Atualizada em 28/01/2022 às 16h53
Por: Readação 2 Fonte: GOVERNO DE MATO GROSSO
Compartilhe:
Aluna da Escola Estadual Militar Tiradentes é aprovada para Medicina em MT

Um sonho de infância começa a ser transformado em realidade nos próximos dias por Dalila Gabrielly Bonetti Rocha, de 19 anos. A jovem, que concluiu o Ensino Médio na Escola Estadual Militar Tiradentes Cabo Israel Wesley Prado de Almeida, no município de Juara, foi aprovada para a Faculdade de Medicina da Universidade de Cuiabá (Unic) e se prepara para o início das aulas do curso.

Em entrevista para o PMACAST, a estudante ressalta sua felicidade pela aprovação no vestibular após um ano de preparação e diz que Medicina é a sua escolha de faculdade desde que tinha 13 anos e que, no momento, pensa em se especializar na área de psiquiatria. Dalila se formou em 2020 na instituição de ensino militar. 

“Medicina é minha escolha de faculdade desde que eu estava no 8º ano do Ensino Fundamental, aos 13 anos. Eu sempre tive muito apoio principalmente dos meus pais, que permanecem me apoiando até hoje. Em questão da especialidade, hoje eu penso em psiquiatria, mas eu sei que ao passar do longo dos anos na faculdade, eu posso acabar mudando ou fortalecendo a minha ideia”. 

Dalila frequentou a Escola Estadual Militar Tiradentes por quatro anos e, sobre sua formação, destaca o empenho de todos os profissionais envolvidos. “Hoje eu sou capaz de pontuar inúmeros diferenciais da escola, como os excelentes profissionais que estão sempre prontos para ajudar, principalmente referente ao Enem, com bastante simulados e provas. Também a inclusão dos pais na vida escolar dos alunos, [...] vejo que eles tentam bastante trazer os pais para a vida do aluno na escola e isso é muito bom, porque melhora o desempenho do aluno”. 

NOTÍCIAS QUENTES - Acesse o grupo do Isso É Notícia no WhatsApp e tenha notícias em tempo real (CLIQUE AQUI)

No lado familiar, o orgulho pela aprovação é enorme entre os pais e demais parentes. A mãe da jovem, Grasieli Bonetti Rocha, 39 anos, destaca todo o ambiente educacional proporcionado pela Escola Militar. “Decidimos matricular Dalila porque acreditamos que as crianças e os jovens precisam estar em um ambiente escolar onde se preza a disciplina, o respeito aos seus mestres, os colegas e também ter responsabilidade com os seus atos. A equipe desempenhou um excelente trabalho, nós só temos a agradecer”. 

Para o diretor da Escola Estadual Militar Tiradentes de Juara, tenente-coronel PM Mário Luiz Pinheiro de Souza, é sempre uma grande satisfação quando a direção recebe a notícia de que um aluno formado na instituição é aprovado para estudar em um curso de nível superior.  “É uma satisfação muito grande, ainda mais quando é um curso de extrema importância e com grande dificuldade para conseguir a nota de aprovação, como é o curso de Medicina. A Dalila já é a terceira aluna da escola a ser aprovada para esse curso e sempre ficamos com a sensação de dever cumprido. 

Atualmente a Escola Militar de Juara conta com 435 alunos matriculados desde o 7º ano do Ensino Fundamental e coleciona aprovações nos vestibulares de alunos que se formam no 3º ano do Ensino Médio. Para o tenente-coronel, a fórmula do sucesso na educação é a união entre todos os envolvidos: professores, alunos e familiares, sempre integrados e focados no bom desempenho escolar.

“Ressaltamos que a fórmula do sucesso é termos professores focados na missão, pais preocupados e atuantes, que acompanham os seus filhos, e os alunos com a intenção de progredir e aprender, decisão que precisa estar aliada à disciplina. Somando esses fatores, chegaremos ao sucesso, que é uma aprovação em uma faculdade”. 

Dalila se prepara para a mudança em sua rotina, já que as aulas da estudante estão marcadas para iniciar no dia 07 de fevereiro, em Cuiabá.

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.