Segunda, 23 de Maio de 2022
15°

Alguma nebulosidade

Cuiabá - MT

POLÍTICA AUDIOVISUAL

Secretário de Cultura altera edital um dia antes de resultado e produtor aponta ilegalidade

Beto Dois a Um retirou exigência de comprovação de residência em Mato Grosso um dia antes da publicação de resultado de edital da Cultura

28/01/2022 às 17h31 Atualizada em 29/01/2022 às 13h12
Por: Alexandre Aprá
Compartilhe:
Secretário de Cultura, Esporte e Lazer de MT, Alberto Machado, o
Secretário de Cultura, Esporte e Lazer de MT, Alberto Machado, o "Beto Dois a Um"

O secretário de Estado de Cultura, Esportes e Lazer, Alberto Machado, o Beto Dois a Um, fez uma alteração no edital da Seleção Pública Nº 10/2021 para projetos de Audiovisual, retirando a necessidade de apresentação de declaração de residência em Mato Grosso. 

A alteração foi feita nesta quinta-feira (27), um dia antes da publicação do resultado preliminar dos aprovados, prevista, segundo o edital, para esta sexta-feira (28).

No documento assinado por Beto Dois a Um, a Secel-MT justifica a retificação alegando que já há a necessidade de se apresentar comprovante de endereço, conforme outros itens do edital.

No entanto, com o fim desta exigência, produtores com residência em outros estados estarão aptos a entrar na disputa.

Produtores culturais ouvidos pela portal e que pediram para não se identificar com medo de retaliações condenaram a retificação e suspeitam que ela pode ser uma manobra para direcionar o resultado.

"Oras, um dia antes do resultado a Secretaria vem e muda o edital, tirou toda a isonomia da disputa. Quem garante que não fizeram esta alteração para beneficiar alguém que não apresentou este documento ou que apresentou comprovante de endereço de outro estado?", questionou um produtor ouvido pelo Isso É Notícia.

Outro lado

Procurada pela reportagem, a Secel-MT ficou de se posicionar para o portal sobre a retificação do edital, o que não aconteceu até a publicação desta reportagem.

O espaço, todavia, continua aberto para manifestações.

Confira documento que retirou obrigatoriedade de residência em MT publicado ontem (27):

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.