Cuiabá, 15 de novembro de 2018

Isso é Notícia

MENU

ELEIÇÕES 2018

O 1º Datafolha após a propaganda eleitoral e a facada em Bolsonaro

O 1º Datafolha após a propaganda eleitoral e a facada em Bolsonaro

DA REDAÇÃO DA REDAÇÃO

www.issoenoticia.com.br

O instituto Datafolha divulgou, na noite desta segunda-feira (10), a primeira grande pesquisa para a Presidência da República realizada após o início da propaganda eleitoral.

A expectativa pela pesquisa ficou ainda maior em razão do atentado a Jair Bolsonaro. Os números do Datafolha já retratam a repercussão da facada sofrida pelo candidato conservador.

Segundo o levantamento, Bolsonaro tem 24% das intenções de voto. Na pesquisa anterior do Datafolha, realizada em 20 e 21 de agosto, antes do início do horário eleitoral, Bolsonaro tinha 22% das intenções de voto.

A oscilação observada desde então está dentro da margem de erro da pesquisa, que é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

VEJA OS NÚMEROS:

Jair Bolsonaro (PSL) — 24% (tinha 22%)
Ciro Gomes (PDT) — 13% (tinha 10%)
Marina Silva (Rede) — 11% (tinha 16%)
Geraldo Alckmin (PSDB) — 10% (tinha 9%)
Fernando Haddad (PT) — 9% (tinha 4%)
Álvaro Dias (Podemos) — 3% (tinha 4%)
João Amoêdo (NOVO) — 3% (tinha 2%)
Henrique Meirelles (MDB) — 3% (tinha 1%)
Guilherme Boulos (PSOL) — 1% (tinha 1%)
Vera (PSTU) — 1% (tinha 1%)
Cabo Daciolo (Patriota) — 1% (tinha 1%)
João Goulart Filho (PPL) — 0%
Eymael (DC) — 0%
Branco/nulos — 15% (somavam 22%)
Não sabe/não respondeu — 7% (eram 6%)

REJEIÇÃO

O Datafolha também mediu a taxa de rejeição (o eleitor responde em qual dos candidatos não votaria de jeito nenhum). Nesse item, os entrevistados puderam escolher mais de um nome. Veja os índices:

Bolsonaro: 43%
Marina: 29%
Alckmin: 24%
Haddad: 22%
Ciro: 20%
Cabo Daciolo: 19%
Vera: 19%
Eymael: 18%
Boulos: 17%
Meirelles: 17%
João Goulart Filho: 15%
Amoêdo: 15%
Alvaro Dias: 14%
Rejeita todos/não votaria em nenhum: 5%
Votaria em qualquer um/não rejeita nenhum: 2%
Não sabe: 6%

Em relação à pesquisa anterior, a variação da taxa de rejeição foi a seguinte: Bolsonaro, de 39% para 43%; Marina, de 25% para 29%; Ciro, de 23% para 20%; Alckmin, de 26% para 24%; Haddad, de 21% para 22%.

SEGUNDO TURNO

Marina 43% x 37% Bolsonaro (branco/nulo: 18%; não sabe: 2%)
Ciro 39% x 35% Alckmin (branco/nulo: 23%; não sabe: 3%)
Alckmin 43% x 34% Bolsonaro (branco/nulo: 20%; não sabe: 3%)
Marina 38% x 37% Alckmin (branco/nulo: 23%; não sabe: 2%)
Ciro 45% x 35% Bolsonaro (branco/nulo: 17%; não sabe: 3%)
Alckmin 43% x 29% Haddad (branco/nulo: 25%; não sabe: 3%)
Haddad 39% x 38% Bolsonaro (branco/nulo: 20%; não sabe: 3%)
Ciro 41% x 35% Marina (branco/nulo: 22%; não sabe: 2%)
Marina 42% x 31% Haddad (branco/nulo: 25%; não sabe: 3%)

Leia matérias relacionadas:

Comente pelo Facebook!

Comente pelo site!

Olá, deixe seu comentário para O 1º Datafolha após a propaganda eleitoral e a facada em Bolsonaro

Enviando Comentário Fechar :/