Cuiabá, 24 de junho de 2018

Isso é Notícia

MENU

INVESTIGAÇÃO

Promissórias de Silval podem ter sido plantadas no TCE

YouTube
Promissórias de Silval podem ter sido plantadas no TCE

MIDIA NEWS MIDIA NEWS

www.midianews.com.br

Já está em curso uma investigação para apurar em quais condições a servidora Bruna Falchetti Lasmar, do TCE-MT, encontrou duas notas promissórias, no valor de R$ 2,05 milhões, no gabinete do conselheiro afastado José Carlos Novelli.

A suspeita é que as promissórias, assinadas pelo ex-governador Silval Barbosa e datadas de julho de 2014, possam ter sido “plantadas” no local. 

Segundo a servidora, elas estavam atrás de uma das cortinas do gabinete.

A Polícia Federal, durante busca e apreensão no TCE-MT, na Operação Malebolge, literalmente virou o gabinete do avesso - até o teto foi cuidadosamente vasculhado. E as tais promissórias não foram encontradas.

Em depoimento prestado no dia 9 de abril, Bruna Lasmar contou que trabalha para a conselheira substituta Jaqueline Jacobsen, que assumiu o lugar de Novelli após o afastamento.

Leia matérias relacionadas:

Comente pelo Facebook!

Comente pelo site!

Olá, deixe seu comentário para Promissórias de Silval podem ter sido plantadas no TCE

Enviando Comentário Fechar :/