Cuiabá, 11 de dezembro de 2018

Isso é Notícia

MENU

PEDIDO DE CASSAÇÃO

Selma adota discurso de Silval e Riva e questiona suspeição de procuradora do MPF

Selma adota discurso de Silval e Riva e questiona suspeição de procuradora do MPF

ALEXANDRE APRÁ ALEXANDRE APRÁ

Jornalista, diretor do blog Isso É Notícia

A candidata Selma Arruda (PSL), que se autointitula a senadora do Bolsonaro em Mato Grosso, resolveu adotar a mesma estratégia de suas réus quando ainda exercia a função de juíza de Direita.

O advogado Diogo Sachs, que defende a candidata de extrema direita, publicou um áudio em no grupo de Whatsapp do site MidiaNews e questionou a imparcialidade da procuradora Cristina Nascimento Melo, do MPF, em atuar na ação que pede a cassação de seu mandato.

Segundo Sachs, Selma e a procuradora se desentenderam durante uma oitiva em um processo que tratava sobre sua escolta particular.

Curiosamente, Selma, promotores e vários réus das operações envolvendo o ex-governador, também bateram-boca em diversas audiências.

E, nem por isso, ela ou algum promotor foi declarado suspeito para atuar nos processos.

Todavia, o advogado não fez nenhum comentário sobre o mérito da denúncia, ou seja, se realmente ela pagou com recursos não-declarados o pessoal do marketing de sua campanha.

O discurso de ataque na defesa se alinha muito com Silval, que, no começo de seus processos, questionou a magistrada e o Ministério Público.

Após o andamento do processo, Silval firmou delação premiada e, com isso, assumiu seus crimes. Depois da delação, o ex-governador não mais questionou a atuação nem da juíza, nem de promotores.

CONFIRA AQUI o áudio do advogado Diogo Sachs.

Leia matérias relacionadas:

Comente pelo Facebook!

Comente pelo site!

Olá, deixe seu comentário para Selma adota discurso de Silval e Riva e questiona suspeição de procuradora do MPF

Enviando Comentário Fechar :/